América Latina
e Caribe

A CIFI é a plataforma líder do setor privado de infraestrutura de médio porte na América Latina e no Caribe.


Nossa plataforma serve a toda a América Latina e Caribe com investimentos sustentáveis que visam um impacto positivo e integram os fatores ambientais, sociais e de governança corporativa.


A infraestrutura é um fator chave para a América Latina e o Caribe na recuperação pós COVID-19. Os governos regionais dependem fortemente dos investimentos do setor privado para apoiar o crescimento.
O BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) estima uma lacuna de investimento em infraestrutura na região de cerca de 2,5% do PIB, o que representa uma grande oportunidade para os investimentos do setor privado.


O financiamento de projetos tem sido um fator-chave para o desenvolvimento da infraestrutura e tem impulsionado as economias da América Latina durante a última década, e continuará a fazê-lo na próxima década à medida que a gama de investidores se diversifique, cresça e aumente a sofisticação.


Com um histórico de 20 anos na região, a CIFI oferece financiamento a mais de 200 projetos, com USD 1.7 bilhões em empréstimos diretos e mais de USD 20 bilhões em recursos mobilizados.

América Latina
e Caribe

A CIFI é a plataforma líder do setor privado de infraestrutura de médio porte na América Latina e no Caribe.


Nossa plataforma serve a toda a América Latina e Caribe com investimentos sustentáveis que visam um impacto positivo e integram os fatores ambientais, sociais e de governança corporativa.


A infraestrutura é um fator chave para a América Latina e o Caribe na recuperação pós COVID-19. Os governos regionais dependem fortemente dos investimentos do setor privado para apoiar o crescimento.
O BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) estima uma lacuna de investimento em infraestrutura na região de cerca de 2,5% do PIB, o que representa uma grande oportunidade para os investimentos do setor privado.


O financiamento de projetos tem sido um fator-chave para o desenvolvimento da infraestrutura e tem impulsionado as economias da América Latina durante a última década, e continuará a fazê-lo na próxima década à medida que a gama de investidores se diversifique, cresça e aumente a sofisticação.


Com um histórico de 20 anos na região, a CIFI oferece financiamento a mais de 200 projetos, com USD 1.7 bilhões em empréstimos diretos e mais de USD 20 bilhões em recursos mobilizados.

Setores

Energia

A energia está no centro da agenda do desenvolvimento sustentável sendo o acesso à energia a chave para combater a pobreza e impulsionar a atividade econômica. A CIFI fornece soluções inovadoras de financiamento para acelerar a transição para a energia limpa na América Latina. Atualmente, 45% da nossa carteira de empréstimos é dedicada à energia renovável.

Energia Renovável

Com alguns dos recursos eólicos e solares mais abundantes do mundo, a América Latina tornou-se um dos mercados de energia renovável mais competitivos do mundo, respondendo por mais de 20% da energia primária da região.

Na CIFI temos uma carteira de energia renovável de 45% e somos especialistas na estruturação e financiamento de projetos de energia renovável, incluindo: hidroelétrica, geotérmica, solar, eólica, biomassa.

Armazenamento de energia

A implantação em massa do armazenamento de energia ajudará a superar um dos maiores desafios para a energia renovável e fornecerá os meios para alcançar as residências fora da rede e fornecer energia limpa.
O armazenamento de energia tem um papel fundamental na estabilização da rede.

Eficiência Energética

O objetivo é reduzir o consumo de energia e otimizar o uso de recursos para acelerar a transição para uma economia de baixo carbono, entre elas Iluminação LED, componentes inteligentes da cidade e isolamento térmico.

Combustíveis Fósseis

Indústrias envolvidas na produção e venda de petróleo e gás, incluindo a extração, produção, refino e distribuição de combustíveis (veja nossa lista de exclusão para mais informações sobre as atividades que a CIFI não irá financiar).

Transmissão e Distribuição

CIFI financia projetos de construção e equipamentos para transmissão e distribuição de energia.

Logística e Transporte

O desenvolvimento da infraestrutura rodoviária e o aumento do transporte público e não motorizado estão no centro dos esforços da região para reduzir sua pegada de carbono.

Uma lacuna significativa entre os investimentos atuais e os investimentos necessários em infraestrutura na região, apresenta uma oportunidade atraente para os investidores. O setor de transportes exigirá uma participação substancial do setor privado – um caminho traçado por uma maior regulamentação das parcerias público-privadas.


O transporte inclui infraestrutura viária, ônibus elétricos, vias fluviais, portos, aeroportos, ferrovias e rodovias.
A logística envolve um espectro mais amplo e refere-se para toda a administração do fluxo incluindo armazenagem, manuseio, inventário, embalagens e vários outros aspectos.

Logística e Transporte

O desenvolvimento da infraestrutura rodoviária e o aumento do transporte público e não motorizado estão no centro dos esforços da região para reduzir sua pegada de carbono.

Uma lacuna significativa entre os investimentos atuais e os investimentos necessários em infraestrutura na região, apresenta uma oportunidade atraente para os investidores. O setor de transportes exigirá uma participação substancial do setor privado – um caminho traçado por uma maior regulamentação das parcerias público-privadas.


O transporte inclui infraestrutura viária, ônibus elétricos, vias fluviais, portos, aeroportos, ferrovias e rodovias.
A logística envolve um espectro mais amplo e refere-se para toda a administração do fluxo incluindo armazenagem, manuseio, inventário, embalagens e vários outros aspect.

Telecomunicações

A era digital transformou o caminho de como fazemos negócios e nos comunicamos.

O acesso à conectividade confiável e ao mundo digital é essencial para o desenvolvimento econômico e a inovação. A indústria de telecomunicações da América Latina passou por uma transformação significativa nas últimas duas décadas e continuará a ser relevante no futuro próximo.

Uma infraestrutura de telecomunicações robusta e de última geração permite uma comunicação eficiente em escala global através de meios como telefones celulares ou a Internet, ondas de rádio ou cabos, e/ou com ou sem fio. Este setor criou a infraestrutura que possibilita o envio de dados em texto, voz, áudio ou vídeo em qualquer parte do mundo. As maiores empresas do setor são operadoras de telefonia (com e sem fio), operadoras de satélite e de cabo, assim como provedores de serviços de Internet.

Telecomunicações

A era digital transformou o caminho de como fazemos negócios e nos comunicamos.

O acesso à conectividade confiável e ao mundo digital é essencial para o desenvolvimento econômico e a inovação. A indústria de telecomunicações da América Latina passou por uma transformação significativa nas últimas duas décadas e continuará a ser relevante no futuro próximo.

Uma infraestrutura de telecomunicações robusta e de última geração permite uma comunicação eficiente em escala global através de meios como telefones celulares ou a Internet, ondas de rádio ou cabos, e/ou com ou sem fio. Este setor criou a infraestrutura que possibilita o envio de dados em texto, voz, áudio ou vídeo em qualquer parte do mundo. As maiores empresas do setor são operadoras de telefonia (com e sem fio), operadoras de satélite e de cabo, assim como provedores de serviços de Internet.

Construção

Espera-se que os serviços gerais de construção e as matérias primas que acompanham o desenvolvimento do setor cresçam na região.As maiores economias da região desempenharão um papel fundamental na condução do desenvolvimento econômico na era pós-Covid-19, o que exigirá o apoio do setor privado.

O mercado da construção em América Latina é uma indústria muito diversificada que inclui projetos de construção em diferentes setores, como a construção comercial, residencial e industrial assim como a fabricação e fornecimento de produtos relacionados.

Construção

Espera-se que os serviços gerais de construção e as matérias primas que acompanham o desenvolvimento do setor cresçam na região.As maiores economias da região desempenharão um papel fundamental na condução do desenvolvimento econômico na era pós-Covid-19, o que exigirá o apoio do setor privado.

O mercado da construção em América Latina é uma indústria muito diversificada que inclui projetos de construção em diferentes setores, como a construção comercial, residencial e industrial assim como a fabricação e fornecimento de produtos relacionados.

Infraestrutura Social

A infraestrutura social, é definida como infraestrutura crítica que apoia o bem-estar humano, está no centro da Agenda de Desenvolvimento Sustentável.

Na América Latina, a crise da Covid-19 trouxe à luz a necessidade urgente de aumentar os investimentos em infraestrutura social, especialmente em saúde, educação, água e saneamento.
O envolvimento do setor privado acelerará o crescimento que impulsionará o desenvolvimento econômico, recuperando os milhões de empregos perdidos durante a pandemia. A infraestrutura social é a construção e manutenção de instalações que apoiam os serviços sociais. Os tipos de infraestrutura social incluem saúde (hospitais), educação (escolas e universidades), instalações públicas, cidades inteligentes, água e saneamento, e instalações de gestão de resíduos.

Infraestrutura Social

A infraestrutura social, é definida como infraestrutura crítica que apoia o bem-estar humano, está no centro da Agenda de Desenvolvimento Sustentável.

Na América Latina, a crise da Covid-19 trouxe à luz a necessidade urgente de aumentar os investimentos em infraestrutura social, especialmente em saúde, educação, água e saneamento.
O envolvimento do setor privado acelerará o crescimento que impulsionará o desenvolvimento econômico, recuperando os milhões de empregos perdidos durante a pandemia. A infraestrutura social é a construção e manutenção de instalações que apoiam os serviços sociais. Os tipos de infraestrutura social incluem saúde (hospitais), educação (escolas e universidades), instalações públicas, cidades inteligentes, água e saneamento, e instalações de gestão de resíduos.

Turismo

O turismo representa 10% do PIB na América Latina e no Caribe e aproximadamente 15% dos empregos. Para alguns países pequenos, especialmente no Caribe, este número é maior. A atual desaceleração durante a pandemia de Covid-19 está tendo um efeito importante nas economias que dependem fortemente do turismo. Entretanto, a Organização Mundial do Turismo prevê um crescimento sustentado durante a próxima década com grandes mudanças em seu desenvolvimento em direção a uma indústria mais sustentável e resiliente.

O turismo sustentável requer um equilíbrio entre sua capacidade de uso e seus limites, bem como a incorporação de medidas para evitar impactos negativos em regiões com alta biodiversidade, levando em consideração as comunidades anfitriãs como uma parte essencial da equação. As mulheres ocupam mais de 50% do emprego gerado no setor, contribuindo assim para a agenda da igualdade de gênero na região.

O turismo interno representa uma parte importante em vários países da América Latina. Como sequela da pandemia, haverá uma transformação da indústria do turismo, assim como de outras indústrias. Para melhorar a competitividade das viagens e do turismo, é necessária a colaboração entre os setores público e privado.

O turismo inclui hospedagem, shopping centers, serviços para viajantes e toda a infraestrutura que fornece diretamente bens e serviços para promover atividades comerciais, de lazer e recreativas fora do ambiente doméstico.

Turismo

O turismo representa 10% do PIB na América Latina e no Caribe e aproximadamente 15% dos empregos. Para alguns países pequenos, especialmente no Caribe, este número é maior. A atual desaceleração durante a pandemia de Covid-19 está tendo um efeito importante nas economias que dependem fortemente do turismo. Entretanto, a Organização Mundial do Turismo prevê um crescimento sustentado durante a próxima década com grandes mudanças em seu desenvolvimento em direção a uma indústria mais sustentável e resiliente.

O turismo sustentável requer um equilíbrio entre sua capacidade de uso e seus limites, bem como a incorporação de medidas para evitar impactos negativos em regiões com alta biodiversidade, levando em consideração as comunidades anfitriãs como uma parte essencial da equação. As mulheres ocupam mais de 50% do emprego gerado no setor, contribuindo assim para a agenda da igualdade de gênero na região.

O turismo interno representa uma parte importante em vários países da América Latina. Como sequela da pandemia, haverá uma transformação da indústria do turismo, assim como de outras indústrias. Para melhorar a competitividade das viagens e do turismo, é necessária a colaboração entre os setores público e privado.

O turismo inclui hospedagem, shopping centers, serviços para viajantes e toda a infraestrutura que fornece diretamente bens e serviços para promover atividades comerciais, de lazer e recreativas fora do ambiente doméstico.